22.9.13

tempo


 
fôlego transbordando no peito, ar preenchendo, esvaziando, vida fluindo, tomando todo o corpo, escapando pelo contorno da áurea. a ordem é interna, pressa, espera, o mundo é só o começo e é com você ser o que quiser. não existe nada além do tempo.

olhar nos olhos de alguém com calma, sem medo de enxergar que estão no mesmo lugar e podem viver o mesmo momento, só por uns segundos, o tempo de respirar o ar um do outro.

quem de dentro de si não sai, vai morrer sem amar ninguém.


2 comentários:

  1. parar por um instante com calma, sem medo de vivenciar, mesmo que indiretamente, o momento declarado por alguém, que foi capaz de te lembrar que às vezes é mesmo necessário parar.
    obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom saber dessas palavras, eu que agradeço! ;)

      Excluir